Blog / Notícias

Como abrir um comércio de forma rápida

Quer abrir um comércio de forma rápida e realizar o seu sonho de comandar algo seu? Deixar de atuar como funcionário e se tornar o próprio chefe?

A boa notícia é que você pode fazer isso sem a necessidade de entender todos os passos burocráticos.

Abrir um CNPJ, Inscrição Estadual, registro na Junta Comercial, fazer o contrato social e outros detalhes documentais pode parecer um quebra cabeça.

Porém, todas essas mazelas que o empreendedor é submetido não devem afetar a sua evolução constante e a busca por melhores condições de trabalho.  Afinal de contas, nós do Senhor Contábil podemos ajudar você a realizar todos esses procedimentos com segurança.

Os empresários mais bem sucedidos da história também tiveram desafios, mas venceram.

É importante compreender a necessidade de ter bons aliados para conseguir seguir em frente e dar o pontapé inicial para virar a mesa e se tornar um empresário de sucesso.

E você está preparado para abrir um comércio de forma rápida? Conquistar muitos clientes e ter a lucratividade desejada?

Então, você está no lugar certo!

O Senhor Contábil – empresa que possui uma plataforma única de contabilidade online – vai te mostrar os principais caminhos disponíveis no mercado para ter o seu comércio e como é possível melhorar a sua performance como empreendedor para ter sucesso.

Principais passos para abrir um comércio de forma rápida

Cometer erros na abertura da empresa é algo comum, entretanto, alguns deles podem impactar de maneira negativa no faturamento do negócio. Por isso, é fundamental prestar atenção nas dicas que serão dadas abaixo.

O empreendedor precisa se manter sempre atualizado com as mudanças do mercado, especialmente, na forma como se relaciona com seus clientes, colaboradores e parceiros.

Por isso, abaixo serão apresentados alguns passos essenciais para abrir um comércio de forma rápida, descomplicada e correta.

O ponto mais importante para conseguir abrir um comércio dentro dessas condições é começar certo em todos os aspectos legais, fiscais, tributários, financeiros e operacionais.

Portanto o passo a passo é o seguinte:

  1. Ter como aliado uma contabilidade que resolva a parte legal, fiscal e tributário
  2. Ter conhecimento em gestão financeira;
  3. Fazer a gestão operacional;

Lembre-se que o mercado está cada vez mais competitivo. Segundo dados do IBGE, 1 (uma) a cada 5 (cinco) empresas fecham as portas no primeiro ano.

De fato, esse é um dado assustador, mas você e sua empresa não precisam fazer parte dessas estatísticas!

Para isso, é importante que você leia a seguir informações que podem ajudar abrir um comércio de forma rápida e com grandes chances de sucesso.

Agora, você vai aprender mais sobre:

  1. Plano de negócios;
  2. Como contratar um contador de confiança para aspectos legais;
  3. Fazer um planejamento de impostos;
  4. Obter mais informações sobre o seu negócio;
  5. Importância da gestão financeira e gestão operacional.

1º Passo – Faça o plano de Negócios para abrir um comércio de forma rápida

De acordo com Paulo Valery, consultor do SEBRAE (Serviço de Apoio às micro e pequenas empresas, 60% das empresas fecham rapidamente por não terem um plano de negócios definido.

Diante dessa informação, podemos afirmar que o planejamento é importante para a sobrevivência da empresa.

É perceptível que poucas empresas dão a devida importância para o plano de negócios, mas isso pode prejudicar a companhia em diversos aspectos como:

  1. Falta de foco nas estratégias e natureza do negócio;
  2. Risco alto de mortalidade da empresa;
  3. Mais chances de fazer péssimos investimentos;

Pensando nisso, quero mostrar algumas dicas para não deixar isso acontecer.

A primeira coisa que você precisa saber no momento de abrir um comércio de forma rápida é conhecer a natureza do negócio. Através do plano, é possível ter uma visão detalhada de toda a construção de processos e, das estratégias da empresa.

A segunda coisa é o conhecimento da estrutura e funcionamento do negócio, é o princípio motor para evitar perigos no funcionamento de cada processo que podem levar a empresa à falência.

Algumas perguntas devem ser respondidas, como: A empresa vai ser uma franquia? Vai comercializar o que? Setor de produto ou Serviço? Formato de vendas (online, loja física, assinatura)?

A terceira coisa é a melhor visibilidade de boas oportunidades, quando se tem um plano de negócios, as chances de fazer investimentos que gerem prejuízos são bem menores.

Via de regra, o plano de negócios responde muitas dúvidas do empreendedor com relação a sua empresa. Por isso, ele é fundamental para a micro e pequena empresa.

A boa notícia é que o SEBRAE ajuda o empreendedor na confecção do plano de negócios gratuitamente. Além disso, o mesmo pode ter a orientação de um contador especializado.

2º Passo – Contrate um contador de confiança para resolver aspectos legais, fiscais e tributários

Se existe um grande parceiro do empreendedor na jornada de abrir um comércio de forma rápida, certamente é o contador!

A contabilidade desempenha um papel fundamental em diversas etapas da abertura de uma empresa, entre elas:  Cumprimento da lei, registro na junta comercial, abertura de CNPJ e IE, emissão do contrato social, auxílio na escolha no melhor regimes tributário, definição do tipo societário, natureza jurídica e muito mais.

Além de ajudar a abrir um comércio de forma rápida, a contabilidade auxilia em todos os processos burocráticos mensalmente, ao longo de sua atuação.

Se a sua empresa não tiver um contador para gerir os assuntos fiscais, tributários e legais, é possível que ocorra muitas dores de cabeça e custos adicionais com multas e problemas com a legislação.

A escolha de não contratar um contador desde a abertura e durante o tempo de vida da empresa pode se tornar um pesadelo para o empreendedor. Entre os problemas estão:

  1. Lentidão na abertura do CNPJ;
  2. Complicações com o fisco;
  3. Pagamento indevido de impostos;
  4. Formação de dívidas;

Vale lembrar que toda empresa, com exceção do MEI, é obrigada a contratar um contador. Contudo, mesmo o Microempreendedor Individual pode melhorar sua performance com essa assessoria.

Saiba o que fazer para abrir um comércio de maneira certa!

Dica 1:

  Comece certo, procure um contador assim que precisar abrir um comércio de forma rápida. Pois esse profissional é especialista e tem um time conhecedor do melhor caminho a ser percorrido para agilizar as etapas.

Para abrir um CNPJ e outros registros necessários, existem muitas burocracias a serem cumpridas. E dependendo da falta de experiência, o processo pode atrasar muito e ainda correr o risco de precisar refazer o pedido devido a discrepância de informações.

Dica 2

Uma empresa demanda muitas responsabilidades fiscais, são inúmeras guias de pagamento, emissão de notas fiscais, contrato social, balanços e livros

Quando essas exigências não são cumpridas, a empresa enfrenta muitas situações difíceis.

Logo no momento de abrir um comércio, essas questões devem ser vistas para identificar pontos de redução de custos, a necessidade de realizar balanços comerciais, controle de entrada e saída de valores e outras demandas necessárias.

Dica 3:

A partir do momento da abertura da empresa, é necessário ficar de olho nas obrigações legais. Sem um contador, os empreendedores correm sérios riscos de não conseguirem cumprir as exigências previstas na lei.

Os riscos envolvem o pagamento de imposto maior que o devido, pois ocorre a incorreta classificação de atividades econômicas do negócio, bem como regime tributário que não condiz com a realidade da empresa.

Outro problema que a falta de um contador pode causar, é a sonegação fiscal, que é crime. Portanto, não é exagero dizer que esse profissional pode livrar o seu negócio de séries problemas.

Dica 4:

A formação de dívidas por conta da carga tributária é uma realidade em algumas empresas, sobretudo nas micro e de pequeno porte. Isso acontece por conta do esquecimento de prazos de pagamentos, má escolha do regime tributário e apuração indevida dos impostos.

Portanto, contrate um escritório contábil que vai ajudar a sua empresa na gestão de taxas, impostos e melhor escolha do regime tributário. Evite entrar em débito com órgãos públicos.

3º Passo – Faça um planejamento de impostos

A gestão de pagamento de impostos deve ser levada em conta em uma empresa.  Para garantir ações dentro da lei, o contador realiza um estudo para conseguir reduzir a carga tributária do negócio.

Os perigos da falta de um planejamento de impostos podem trazer prejuízos financeiros e até mesmo, penalizações do fisco. Entenda o porquê?

  1. Na maioria das vezes, as empresas não percebem que pagam mais impostos do que deveriam;
  2. Embora sua companhia não esteja ilegal, o fisco pode compreender que existem irregularidades devido a falhas nos mecanismos;
  3. Má gestão financeira devido a falhas da visão futura sobre a projeção de pagamentos de impostos e oportunidades que impactam o fluxo de caixa.

Para que a empresa sobreviva às reviravoltas que o cenário econômico tem apresentado, é fundamental que haja um planejamento de impostos. Se você quer saber por onde começar, confira as dicas a seguir:

Passo número 1, converse com seu contador e deixe claro a sua intenção de realizar o planejamento de impostos para evitar problemas com os órgãos competentes, aproveitar os benefícios fiscais e melhorar a gestão financeira do seu negócio.

O passo número 2 é usar softwares de controle financeiro para minimizar erros e evitar esquecimentos nos pagamentos de guias.

O passo número 3 é manter uma boa comunicação com o seu contador, se dedique em observar os relatórios e questione às informações repassadas.

Para pequena e micro empresa, a contabilidade online pode ser uma excelente solução. Pois através dessa plataforma moderna é possível acompanhar os relatórios da empresa de perto e ainda pagar uma mensalidade que cabe no bolso.

Pense nessa inovação ao abrir um comércio de forma rápida e tenha simplificação na realização das tarefas diárias e compreensão das demandas do negócio.

4º Passo – Obtenha informações sobre o negócio

Abrir um comércio de forma rápida não exonera o empreendedor de fazer o dever de casa. É importante entender mais sobre seus clientes, seus problemas e seus desafios para que a empresa consiga entregar produtos e serviços que realmente atendam o público-alvo.

O problema mais comum é que o empreendedor não foca muito no cliente, concorrentes e a compreensão do mercado antes de abrir um comércio.

  1. Imagina que é só abrir uma empresa com produtos e serviços que vendem e está tudo bem;
  2. A empresa não oferece solução para resolver um problema do cliente;
  3. O empreendedor não sabe o que realmente os clientes esperam do negócio;

Se você quer abrir um comércio de maneira rápida e descomplicada sem mudar esse viés de pensamento, o tempo de vida do seu negócio será curto.

Por isso, vou te dar algumas dicas para evitar isso:

Dica 1Faça uma pesquisa de mercado para saber o que os clientes esperam de uma nova empresa que está nascendo. O que eles pensam? O que eles comprariam? Quanto pagariam? Como seria o formato ideal de vendas?

Analise o que sua concorrência está fazendo e determine o que sua empresa pode fazer melhor para se destacar.

Dica 2- Consiga fazer seus clientes felizes e satisfeitos, esse é o segredo de qualquer marca. Portanto, capriche na qualidade dos serviços prestados ou produtos oferecidos.

São essas estratégias que garantem a fidelização.

Dica 3Organize todos os processos da empresa, tenha tudo registrado em um sistema informatizado. Conte com bons profissionais para auxiliar na parte burocrática para que você consiga se dedicar ao core business do negócio.

Isso mesmo, organize a sua estrutura para criar melhores oportunidades para sua empresa.

5º Passo – Dê importância para a gestão financeira e operacional do negócio

Agora que você já tem muitas dicas para abrir um comércio de forma rápida, é fundamental que entenda a necessidade de cuidar da gestão financeira e operacional para garantir vida longa ao negócio.

Infelizmente, muitos empreendedores percebem essa necessidade tarde demais, quando a empresa já tem dívidas e processos que geram reclamações dos clientes. Isso acontece porque:

  1. A empresa não possui registros de entradas e saídas de dinheiro, nem provisões de recebimentos e pagamentos;
  2. As vendas e atendimento aos clientes são feitos de maneira desordenada, sem processos internos definidos;
  3. Não existem estratégias para os próximos passos a serem seguidos;

De nada adianta abrir um comércio de forma rápida se o objetivo é não pensar na organização.

A melhor maneira de começar certo e ter chances de crescimento é se organizando. Veja essas dicas:

O primeiro passo é se organizar e manter um registro de todas as operações da empresa. Caso ainda não seja possível comprar um software de gestão, faça uma planilha no Excel.

Se o empreendedor não souber o montante de dinheiro que tem no caixa e as provisões futuras, fica muito difícil criar estratégias de crescimento.

O segundo passo é definir processos internos para conseguir gerar uma metodologia dentro da empresa desde a chegada de um pedido até o seu envio.

Existem muitas ferramentas para fazer isso, inclusive, algumas são gratuitas.

O terceiro passo é elaborar um conjunto de ações para atingir um determinado resultado.

Via de regra, é necessário ter metas bem definidas. Isso agrega mais motivação interna e mais chances de desenvolvimento do negócio.

DICA EXTRA para abrir um comércio de forma rápida

Tenha uma mentalidade vencedora

Os primeiros passos para abrir um comércio de forma rápida foram dados acima. Mas, você sabia que os empreendedores de maneira geral precisam ter uma visão de sucesso?

As crenças limitantes podem impedir o empreendedor de alcançar o que almeja. Alguns pensamentos como ” eu não entendo nada disso”, ” eu não sei fazer”, ” eu não sou bom o suficiente” ou ” isso é muito difícil” fazem parte de um comportamento sabotador.

Ao invés disso, busque conhecimento constante, um empreendedor nunca deixa de ser aluno de alguma coisa. A jornada é longa e repleta de desafios, contudo, é importante aprender a driblar os problemas e resolver erros para conseguir chegar no topo.

É necessário estudar sobre gestão financeira, gestão operacional, marketing, atendimento ao cliente, análise de mercado e outros assuntos que vão surgindo ao longo da caminhada.

É como Howard Schultz, CEO do Startbucks afirma: “Todo mundo começa forte. O sucesso vem para aqueles que têm um compromisso inabalável de continuar assim até o fim”.

Empreender é um exercício diário de Coragem, Curiosidade, Confiança e Constância.

Quando no caminho desanimar, se inspire na sabedoria daqueles que já alcançaram o sucesso.

Conclusão:

Mostramos a você acima como abrir um negócio de forma rápida. Citamos os principais passos para começar, que são:

  1. Plano de Negócios;
  2. Pesquisar sobre o mercado;
  3. Contratação de uma contabilidade para resolver todas as outras questões;
  4. Mentalidade de Sucesso;

A construção de um negócio de sucesso é possível e nós do Senhor Contábil estamos aqui para ajudar.

Nossa plataforma de contabilidade online permite que você empreendedor saiba como abrir um comércio.

 Além disso, caso precise abrir sua empresa de forma rápida, conseguimos te ajudar em até 30 dias! Após a abertura da empresa  é possível acompanhar a gestão fiscal e tributária do seu negócio a qualquer hora e de qualquer local.

Somos grandes aliados da micro e pequena empresa. Venha abrir o seu comércio conosco e conhecer um novo jeito de fazer contabilidade!

CLIQUE AQUI E FALE AGORA COM NOSSOS CONSULTORES!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Artigos que você também pode gostar: